Cerca de 3 mil kg de materiais são recolhidos com o Arrastão contra a Dengue em Missal

O Arrastão contra a Dengue em Missal, iniciado no sábado (21) pela manhã, foi concluído nesta segunda-feira, 23 de março de 2020, com a recolha de cerca de 3 mil kg de materiais. O resultado já havia sido comemorado no sábado, após a realização da ação, e com o material recolhido na conclusão da ação, percebeu-se que a população entendeu a mensagem repassada, com a preocupação com a dengue em Missal.

Segundo informações junto a Acamis (Associação dos Catadores de Materiais Recicláveis de Missal), o saldo foi a recolha de 08 caminhões caçamba, 01 caminhão baú e 08 caçambas de uma pick-up, cheias de material. Desses, cerca de 90% são de materiais recicláveis, que ficam no próprio barracão e o restante, vai pro aterro sanitário ou ainda para a destinação correta.

Espera-se que com essa ação, os casos de dengue parem de surgir. Mas é importante observar, que a população deve continuar eliminando materiais que acumulam água e podem se tornar criadouros do mosquito transmissor. Somente o Arrastão não soluciona a questão da dengue no município, é preciso continuar atento aos detalhes e aos cuidados.

Iniciativa

A proposta surgiu de um dos grupos participantes da Deutsches Fest, o grupo Os Fritz, que levaram a ideia para a Associação Cultural, para a Administração e para os demais grupos (blocos). Além desses, entidades aderiram a iniciativa e contribuíram com a ação, assim como algumas empresas do município de Missal.

Foram envolvidos os Agentes de Combate a Endemias (ACE’s), Agentes Comunitárias de Saúde (ACS’s), Servidores do Departamento de Meio Ambiente, Departamento de Urbanismo, do Pátio de Máquinas, Servidores da Saúde, entre outros. Entidades como o CTG Porteira Nova, Acimi, Conselho da Mulher Empresária, também aderiram, além do grupo de voluntários que auxiliou na Festa dos Navegantes em 2020. A empresa Água Mineral Itaipu fez a doação de água, e outra empresa de terraplanagem disponibilizou as caçambas e os funcionários, para recolher eventuais entulhos.

Membros da Associação Cultural Deutsches Fest estiveram envolvidos na atividade e diversos integrantes do Grupo Os Fritz, que foram as ruas recolher os materiais depositados em frente as casas. A expectativa é que pelo menos 10 participantes de cada um dos grupos contribuíssem, porém, o receio e as recomendações sobre os cuidados com o Coronavírus, impediram muitos de participar e por isso o serviço pode ser concluído somente na segunda-feira.

O Prefeito de Missal, Eduardo Staudt, esteve durante a manhã de sábado junto ao grupo e agradeceu o comprometimento de cada um. “Sabemos do receio de todos em relação ao Coronavírus, mas outra preocupação é a dengue e por isso não cancelamos o Arrastão, pois, para pessoas com dengue uma contaminação com outra doença poderia ser até pior, e vocês que atenderam esse chamado são muito importantes no combate, estão fazendo isso principalmente por vocês próprios e pelos familiares, estão todos de parabéns, desde já”, declarou antes do grupo sair para a recolha.

Fotos: Da Assessoria e do Portal Missal